(31) 3972-9452 / (31) 9 9382-6600

Como usar a jornada do cliente a seu favor na advocacia?

A jornada do cliente na advocacia é o caminho do seu cliente durante a prestação de serviço. Ela tem início no momento em que o mesmo considera contratar seu escritório até o processo de fidelização. Conhecer esse conceito é fundamental para aumentar a sua clientela e sempre oferecer um atendimento de qualidade.

Pensando no quanto a jornada do cliente pode ser estratégica para seu escritório, o objetivo do artigo de hoje é aprofundar esse conceito.

Afinal de contas, se você conhece seu público, quais são suas demandas jurídicas e como ele chega até o seu escritório, fica muito mais fácil fidelizá-lo. E, claro, conquistar novas indicações. Para saber como isso tudo funciona na prática, continue a leitura.

O que é a jornada de cliente na advocacia?

A jornada começa quando seu cliente descobre que vai precisar de orientação jurídica até chegar ao encerramento do processo.

Conhecer essa jornada é uma ferramenta poderosa para você entender de onde vêm os seus clientes, quais as suas necessidades e de que forma o marketing jurídico poderá ajudar o seu escritório a conquistar novas indicações.

Entendê-la também é fundamental para fidelizar seus clientes, sobretudo aqueles mais estratégicos. Vai ficar muito mais fácil enxergar os pontos de melhoria e oferecer, assim, o melhor atendimento em cada uma das fases da jornada.

Já que estamos falando de fases, é hora de detalhar cada uma delas!

As fases da jornada do cliente na advocacia

Aprendizado e descoberta

A jornada pode ser entendida como um relacionamento. E como tal, começa pela atração. A pessoa não sabe exatamente se vai precisar contratar um advogado. Ela está buscando orientação para seu problema e as possíveis consequências.

É nesta fase que você deve impressioná-la. É preciso estar disponível para ouvi-la e esclarecer todas as dúvidas com clareza e atenção.

Mas como fazer com que esse possível cliente encontre seu escritório? É aí que você deve considerar o investimento no marketing jurídico. Provavelmente ele vai recorrer ao Google quando tiver uma dúvida jurídica.

Por que, então, não marcar presença digital? Crie um blog e escreva artigos relevantes sobre sua área de atuação e temas jurídicos em alta. Dessa forma, você vai conquistar cada vez mais relevância nos mecanismos de busca até aparecer nos primeiros resultados. Assim, fica muito mais fácil ser encontrado pelo seu cliente.

E, claro, não tenha medo de aparecer. Mantenha suas redes sociais atualizadas, mostrando sua rotina de trabalho e interagindo sempre com outras pessoas da sua área. Você tem que se mostrar como a maior referência em sua área e o profissional mais qualificado para resolver a dor do seu cliente.

Consideração

A segunda fase da jornada do cliente é a tomada de decisão. O cliente já sabe que precisa contratar um escritório de advocacia para resolver seu problema jurídico.

Mesmo que você tenha tirado as dúvidas na etapa inicial, isso não dá certeza que ele vai contratar o seu escritório. Por isso, é importante demonstrar o valor do seu trabalho com transparência. Reforce os seus diferenciais e como você vai solucionar o seu problema de um jeito inovador.

Lembre-se de alinhar com toda sua equipe os detalhes do primeiro atendimento. É preciso conhecer os pormenores para evitar desgastes logo no início.

Contratação e fidelização

O cliente já conhece o seu escritório. Agora só falta assinar o contrato. Mesmo nessa fase, ele ainda pode desistir do processo. Por isso, você deve oferecer total comodidade para que ele possa contratar o serviço sem burocracia e muitas idas ao escritório. É importante deixá-lo sempre confortável.

A tecnologia é uma ótima aliada. Com um software jurídico, por exemplo, você reúne em um só lugar todas as informações e documentos do seu cliente.

Até o processo dele é importado automaticamente para o sistema. E, claro, seu cliente pode ter acesso a ele e acompanhar a evolução. Ou seja: muito mais praticidade e menos ansiedade em um momento tão delicado.

Outras ferramentas que já fazem parte do dia a dia do seu cliente podem ser decisivas para a aquisição. Utilize o WhatsApp para tirar dúvidas rápidas, o e-mail para disparar documentos e o Skype para uma conversa mais detalhada.

Depois de contratados os serviços, é hora da fidelização! Essa etapa engloba o atendimento durante o serviço e o pós-venda. É essencial para reter clientes e conquistar novas indicações.

Um cliente satisfeito certamente vai se lembrar de você quando tiver uma nova demanda ou então quando alguém pedir uma indicação. Em um mercado tão competitivo como o nosso, o boca-a-boca é uma ferramenta bastante eficaz.

Você deve encantar seu cliente com um atendimento de qualidade. É preciso ser transparente, falar uma linguagem clara, estar disposto a ouvi-lo e a orientá-lo e, claro, cumprir todos os prazos.

A importância do software jurídico na jornada do cliente

Mais uma vez o software jurídico pode ajudá-lo. O sistema envia notificações a cada atualização no processo. Você vai ter que ligar para se certificar se ele recebeu e entendeu todas as novidades. O programa também conta com agendas e deadlines, avisando sobre as reuniões ou quando tem um prazo próximo à data do cumprimento.

Você também deve prestar contas do trabalho desenvolvido. Sobre o assunto já falamos no artigo da última semana. Lembre-se manter contato com os clientes mesmo depois de finalizado o processo, seja pelo bom uso das redes sociais ou com e-mails de follow up.

Você pode parabenizá-lo na data do aniversário ou em outras datas comemorativas. Independente da forma que você optar por fazer esses contatos, o importante é continuar lembrando seu cliente dos diferenciais do seu escritório e que ele pode procurá-lo sempre que precisar.

Conclusão

Compreender a jornada do cliente na advocacia é fundamental para quem quer evoluir na carreira jurídica e fazer seu escritório crescer.

Cabe a você mapear em qual fase seus clientes estão para tentar, assim, estabelecer um diálogo e definir qual será a melhor estratégia para atrai-los, convertê-los ou fidelizá-los.

Continue acompanhando o blog do iProcessum. Temos ótimos artigos para você gerir o seu escritório de advocacia e oferecer sempre o melhor atendimento ao seu cliente.

Posts Relacionados

Deixe um comentário

Bitnami